Dia Nacional e Mundial de Combate ao Trabalho Infantil conscientiza sobre a violação de direitos de crianças e adolescentes

Publicado em 28/06/2022 às 10:55 por Redação


Por Larissa Viana

No dia 12 de junho foi comemorado o Dia Nacional e Mundial de Combate ao Trabalho Infantil. A data foi criada para conscientizar e destacar a luta contra essa violação dos direitos das crianças e adolescentes. Em Mariana, há casos registrados desse tipo de crime. De acordo com o Conselho Tutelar, os principais casos de denúncias no município, são de crianças e adolescentes em atividades agrícolas e pecuárias, exploração sexual e tráfico de drogas. Para auxiliar diretamente nesse combate, a Prefeitura de Mariana, por meio dos programas e ferramentas sociais, dá suporte às vítimas e famílias envolvidas.

Este ano, o Conselho Tutelar recebeu duas comunicações sobre Trabalho Infantil, que não foram constatadas. Segundo a instituição, em grande parte dos casos, as crianças e adolescentes são oriundas de núcleos familiares em situação de vulnerabilidade social e vivendo em estado de pobreza.

Como uma das formas de prevenção para esse tipo de violência, há programas geridos pela Prefeitura de Mariana, que dão suporte a esse público prioritário, como oficinas e assistência social disponibilizadas pelo CRIA. Os crimes voltados às crianças, segundo a OIT (Organização Internacional do Trabalho), ocasionam diversas consequências, podendo causar desde atraso no desenvolvimento físico e intelectual, até traumas que podem perdurar durante a vida adulta.

Os programas sociais municipais proporcionam capacitação para o trabalho, auxílio econômico para erradicação da pobreza e a promoção da dignidade e do desenvolvimento humano sustentável, que dão esse suporte e, consequentemente, auxiliam no combate ao trabalho infantil das crianças e adolescentes que estão inseridas nesses núcleos.

Também há medidas voltadas aos adolescentes a partir de 16 anos de idade, como o PROJOVEM - programa que incentiva a inserção de jovens no mercado de trabalho, com o intuito de promover a inclusão social e gerar renda para quem ainda não teve a oportunidade de ter o primeiro emprego formal e legal.

O QUE DIZ A LEI?

O trabalho infantil é proibido para menores de 18 anos, conforme consta expressamente no Decreto Presidencial nº 6481/2008 que estabelece a Lista as Piores Formas de Trabalho Infantil, de acordo com a exigência contida na Convenção nº 182 da Organização Internacional do Trabalho. Além disso, o trabalho é proibido para menores de 14 anos e a partir dessa idade, são inseridos no mercado em condição de aprendizes, sendo ilegal lugares insalubres, perigosos ou noturnos.

QUAL PROCEDIMENTO APÓS AS DENÚNCIAS?

Após a denúncia ser realizada para o Conselho Tutelar, são realizadas intervenções pertinentes a cada caso apresentado, como: orientação, encaminhamento à rede socioassistencial do município (CRAS, CREAS, rede pública de saúde e educação), e também a conscientização junto à população se tornando público prioritário para o serviço de convivência e fortalecimento de vínculos. Para denunciar, basta discar 100 para Direitos Humanos ou (31) 3558-2216 para o Conselho Tutelar de Mariana.

Fonte: Prefeitura Municipal de Mariana
PUBLICIDADE

Prefeitura de Ouro Preto quer ouvir os artistas da cidade

Atraso em divulgação de resultado da Lei Paulo Gustavo prejudica setor...


PUBLICIDADE
COTAÇÃO HOJE

Ministério da Educação anuncia reajuste do piso salarial dos professores de...

Imagem de buraco negro prova (mais uma vez) que Einstein estava certo

O TRIBUNA LIVRE

Direção e Proprietária: Marisa Hilário
Editoração gráfica: Tribuna Livre
Direção de mídia: Ina Caram.

Colaboradores do jornal impresso e do site:
Organização interna: Izabel Hilário
Administrador e publicitário: Jorge Hilário
Maria do Carmo Batista (in memorian)

REDES SOCIAIS

Tribuna Livre — Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Dash_