Conselheiro Lafaiete

Secretaria de Saúde inicia Campanha de Vacinação contra a Influenza

Publicado em 03/05/2018 às 18h27 por Redação.

Com o objetivo de reduzir as complicações, as internações e a mortalidade decorrentes das infecções pelo vírus da influenza, na população alvo para a vacinação, a Secretaria Municipal de Saúde iniciou nesta segunda-feira, 23/04, a 20ª campanha de vacinação que irá até o dia 01/06. A vacina estará disponível nas Unidades de Estratégia de Saúde da Família (ESFs) no horário de 08:00 às 16:00 e Unidade Central de Vacinação de 07:00 às 17:00, de segunda a sexta-feira.

No sábado, dia 12 de maio, de 08:00 às 17:00, acontecerá o Dia Nacional de vacinação em todas as unidades de saúde, unidade central de vacinação, centros regionais do São João e Santuário e no Museu e Arquivo Antônio Perdigão na Praça Tiradentes.

A meta é vacinar 90% de cada um dos grupos elegíveis para a vacinação que são:

- Crianças na faixa etária de 06 meses a menores de 5 anos (4 anos, 11 meses e 29 dias);
- Gestantes;
- Puérperas (até 45 dias após o parto);
- Trabalhadores da saúde sob potencial risco de contrair a infecção pelo vírus influenza e envolvidos na resposta a possíveis casos da doença;
- Povos indígenas;
- Indivíduos com 60 anos ou mais de idade;
- População privada de liberdade e funcionários do sistema prisional;
- Pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis, e outras condições clínicas especiais independentes da idade;
- Professores na ativa da educação infantil, ensino fundamental, médio e superior das escolas públicas e privadas.

LEVE SEMPRE SEU CARTÃO DE VACINAS E DOCUMENTO DE IDENTIFICAÇÃO PESSOAL!

Obrigatória apresentação de documento pessoal para todos os grupos prioritários.

Puérperas: deverão apresentar documento pessoal e documento que comprove a gestação (certidão de nascimento do filho ou cartão de gestante).

Professores e Trabalhadores da Saúde: apresentar documento pessoal e documento que comprove vínculo ou categoria profissional (contracheque, crachá, etc).

A apresentação da prescrição médica especificando o motivo da indicação da vacina será obrigatória para o grupo de comorbidade, durante a campanha, que deverá ser apresentada no ato da vacinação.

COMPARTILHE NAS REDES




VEJA MAIS

...


PUBLICIDADE
COTAÇÃO HOJE

O TRIBUNA LIVRE

Direção e Proprietária: Marisa Hilário
Editoração gráfica: Tribuna Livre
Direção de mídia: Ina Caram.

Colaboradores do jornal impresso e do site:
Organização interna: Izabel Hilário
Administrador e publicitário: Jorge Hilário
Maria do Carmo Batista (in memorian)

REDES SOCIAIS

Tribuna Livre — Todos os direitos reservados.
Desenvolvido por Dash_